Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simplicity

Simplicity

Corte bordado com a Split Ender

Hello ♥

 

Os cabelos são a moldura do nosso rosto e todas queremos que o nosso cabelo esteja bonito e saudável, só a ideia de ter de ir cortar o cabelo pode ser assustadora para algumas de nós!

 

Eu sempre tive o cabelo comprido e apenas ia cortando as pontas no salão. O que acontecia sempre é que todas as vezes que ia ao salão para cortar as pontas espigadas e dizer-lhes finalmente adeus, quando chegava a casa e olhava com atenção, reparava que as pontas estragadas continuavam lá... :( pois é! para além de cortarem muito comprimento do cabelo, a maioria das pontas espigadas continuavam lá o que fazia com que passado pouco tempo tivesse o cabelo com aspeto estragado.

Eu tenho o cabelo escadeado e por isso não basta cortar as pontas mais a baixo do cabelo, pois quem tem o cabelo escadeado como eu sabe que temos pontas ao longo de todo o comprimento do cabelo.

 

Por tudo isto, já há 2 anos que deixei de ir cortar o cabelo ao salão, primeiro porque o problema das pontas espigadas não ficava resolvido e depois para deixar crescer o cabelo um pouco mais.

 

Até que tive a oportunidade de experimentar a fazer o corte bordado com a Split Ender há bem pouco tempo. Para que não conhece o corte bordado é uma técnica para retirar as pontas duplas, danificadas, quebradas mas sem tirar o comprimento do cabelo, através de uma máquina, a Split Ender, que promete acabar com as pontas espigadas que dão mau aspeto ao nosso cabelo, sem mexer no comprimento, deixando o cabelo visivelmente saudável.

 

A experiência foi proporcionada na loja Mat - Make amazing things, que podem ver aqui através da marca Haskells que podem ver aqui. E às quais agradeço pela oportunidade! ❤

 

Na minha opinião pela experiência que tive posso dizer que de facto a máquina faz o que promete, retirar as pontas espigadas do nosso cabelo sem alterar quer o nosso corte de cabelo quer o comprimento!!! :) Fantástico! 

Contudo não posso dizer que fiquei 100% satisfeita, porque mais uma vez continuo com pontas espigadas ao longo de todo o cabelo. O facto de o mesmo problema permanecer não considero que seja problema da máquina em si, pois achei mesmo que ela cumpre o que promete, o facto de continuar ainda com pontas espigadas acredito que talvez se deveu à rapidez com que foi feito o corte e sobretudo ao facto de mais uma vez ter sido feito apenas nas pontas mais a baixo do cabelo, onde grande parte das pontas foram cortadas. Contudo, como a maioria das pontas foram retiradas o cabelo ficou com melhor aspeto 😃

 

Para terminar posso dizer que gostei da experiência, fiquei fã da Split Ender, da qual já tinha pesquisado muito.

 

Por isso agradeço à loja Mat - Make amazing things pela oportunidade que me deram em experimentar a magnífica Split Ender e à marca Haskells que para além do corte ainda me ofereceram gentilmente umas amostras dos seus produtos capilares, os quais vou usar e mais tarde partilhar convosco o meu feedback em relação aos mesmos! :)

 

IMG_20180828_143352_456.jpg

 

E vocês, já conheciam esta técnica? Quem já a fez?

Partilhem a vossa experiência :)

Beijinhos  

 

 

"Sobre o Amor" de Daniel Oliveira

Hello ♥

 

Já acabei de ler e quero partilhar convosco esta minha última leitura. O livro "Sobre o Amor- Que farei depois de te amar?" é um romance do autor Daniel Oliveira, que vocês já devem de conhecer da TV. A história fala de duas pessoas que se cruzam por acaso, mas que logo criam uma ligação especial e ao longo do livro se encontram e desencontram. E tal como o autor diz esta é "Uma obra que nos fala do amor da conquista e da perda, do ciúme e da carência, da mágoa e do prazer. E de como a vida nos torna eternos a cada fração de segundo." 

 

Eu gostei imenso deste livro, gostei tanto que o devorei em dois dias! Faz nos refeltir acerca dos sentimentos e desencontros da vida, das nossas escolhas e das consequências que elas têm posteriormente.

 

O fim é diferente daquilo de que se está à espera (ou pelo menos daquilo que eu gostava de que tivesse sido), mas o facto de ser diferente e por isso surpreendente, torna o livro ainda mais interessante. 

 

este.jpg

 

Editora: Oficina do Livro | 264 Páginas | Capa mole | Edição: 11-2017  

 

Podem encontrar o livro aqui.

 

Já alguém leu?

Beijinhos